15 de setembro de 2017

Eu fui aceita no Núcleo Jovem da Academia de Letras


Reprodução: Biblioteca Pessoal
Olá leitores!
No mês passado, mais especificamente no dia 25 de agosto, ocorreu em Brasília o evento para comemoração do 7º aniversário de fundação da ALB-DF (Academia de Letras do Brasil). Para quem não conhece, a Academia de Letras do Brasil é uma instituição literária fundada em 1897 pelo escritor Machado de Assis com a colaboração de outros escritores brasileiros.

Um dos objetivos do evento foi realizar a posse dos indicados ao Núcleo Jovem da Academia de Letras e entregar o certificado para os escolhidos, que no total fomos três, sendo eu a mais velha entre nós. O Núcleo Jovem da Academia de Letras é organizado pela Gacy e através desse grupo os jovens têm a oportunidade de ingressarem na Academia de Letras e, posteriormente, se candidatar para ocupar uma cadeira (assim que a mesma estiver vaga).

Reprodução: Biblioteca Pessoal
O evento começou as 19h e durou até, mais ou menos, às 22h, porém, acabei indo embora um pouco antes desse horário. O evento foi simples e rápido. Aconteceu a entrega do certificado para aqueles que ingressaram no Núcleo Jovem, que foram eu e mais dois jovens (e quando digo jovens quero dizer abaixo dos 15 anos), e a conquista de uma cadeira por uma escritora que já tinha um grande papel dentro da Academia. Inclusive, ela declamou um lindo poema sobre a ex-diretora, a qual estava se despedindo e dando o lugar para o novo diretor da Academia. Também prestigiamos uma ótima apresentação de um coral, que nos encantou e nos emocionou com suas interpretações de músicas lindas.

Após essa cerimônia foi servido um pequeno coquetel no Templo ao lado. Posso dizer que eu e meus acompanhantes (familiares e amigos) gostamos bastante do evento, pois algo que parecia ser massante acabou por ser agradável e divertido. Nós nos divertimos e aproveitamos cada momento, afinal o mais especial foi ter ao meu lado aqueles que amo, dividindo comigo um momento tão especial em minha vida. Dizendo isso, só quero agradecê-los e reafirmar que cada um tem um espaço especial no meu coração e que a minha conquista também é deles.

Reprodução: Biblioteca Pessoal
Para mim que curso Letras e que respiro Literatura, até mesmo pretendo trabalhar nesse meio, ser aceita pela ALB é um grande feito e uma maravilhosa realização na minha vida. Não consigo descrever em palavras o tamanho da minha felicidade por ter sido indicada para ingressar no Núcleo Jovem e, ainda, por ter sido aceita, e é aqui que entra minha gratificação por um dia ter pensado em criar esse espaço que chamamos de blog. 

Resumindo um pouco a minha história, no semestre passado eu comecei a ter aulas com um professor novo, o Dr. André Pullig, tendo assim a oportunidade de conhecê-lo melhor. No semestre passado também ocorreu a apresentação do meu TCC, e esse professor junto com a minha orientadora, a qual também devo bastante por seu incentivo e palavras amigas, me ajudaram a realizar o meu desejo, que era fazer um TCC sobre literatura e o papel da mulher. Acredito que a minha vontade de saber mais sobre o papel da mulher ao longo dos séculos e o meu interior que coloquei naquele trabalho fez com que o professor André visse algo em mim ainda não perceptível. Ele me indicou para o Núcleo Jovem da Academia de Letras, porém, as pessoas que ingressam já devem ter trabalhos publicados, sejam em revistas ou livros, e eu ainda não tenho nada. Não posso afirmar que não tenho nada, pois tenho o blog há 2 anos e meio e ele encaixou-se como um meio de publicação. Então, graças a esse pequeno, porém, especial cantinho que divido com vocês eu tive a oportunidade de mudar a minha vida. Agradeço também a vocês que me acompanham, leem minhas resenhas e comentam suas opiniões. Isso é muito importante para mim.

Obrigada a todos.

4 comentários

  1. Que lindo relato parabéns flor ainda não conhecia seu blog mas tenho certeza que sua indicação e posse foram merecidas💜 beijos

    www.marcinhanunesblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir